Necessidade de calagem para um Argissolo arenoso sob sistema plantio direto na região noroeste paranaense

Antonio Nolla; Thiago Gaviolli; Leandro Bochi da Silva Volk; Tiago Roque Benetoli da Silva

  • Antonio Nolla
  • Thiago Gaviolli
  • Leandro Bochi da Silva Volk
  • Tiago Roque Benetoli da Silva
Palavras-chave: Soja; aveia preta; inativação de alumínio; indicadores de acidez; sistema semeadura direta.

Resumo

As recomendações de calagem no Paraná foram desenvolvidas para o sistema cultivo convencional, e estão sendo utilizadas, com alterações, no sistema de semeadura direta (SSD). Objetivou-se relacionar condições de acidez com parâmetros de planta para avaliar os critérios de calagem utilizados para o SSD. Em um Argissolo Vermelho arenoso sob campo natural, (Umuarama – PR), aplicou-se 0, 635, 1250 – NC e 2500 kg ha-1 de calcário, cultivando-se aveia preta e soja. Obteve-se a produtividade da soja e a matéria seca e fresca da aveia preta. Analisou-se a CTC a pH 7,0, V%, H+Al, pH-H2O e SMP, Ca+2, Mg+2 e Al+3 e K+. Relacionou-se atributos de acidez com os parâmetros de planta. O critério pH em água foi superior (5,8) ao preconizado (5,5) pela Comissão de Química e Fertilidade do Solo. O critério saturação por bases para solos arenosos foi inferior (58%) ao referencial (65%) preconizado para o SSD no Paraná.

Publicado
2020-12-07